Jovem Indígena é morta pelo irmão na comunidade Tabalascada com arma de fogo
A Jovem Indígena Eline Almeida de 16 anos, da Comunidade Indígena Tabalascada foi brutalmente assasinada com um tiro de espingarda, por seu irmão um menor de idade no dia 12 de janeiro de 2015 em sua residência na comunidade indígena Tabalascada município de Cantá-RR. Era por volta de 17 horas da tarde quando ocorreu o crime, a Arma pertencia ao padrasto da vitíma e estava carregada quando o menor que brincava com a arma apontou para a cabeça da irmã e disparou, acertando em cheio a cabeça da vitíma, que morreu na hora. O menor desesperado correu e se escondeu na matas da região. A família e membros da comunidade passaram a noite a sua procura, um cime dessa natureza nunca tinha ocorrido dentro da comunidade e chocou todos os moradores e autoridades policiais.
A adolescente era da etnia Wapixana e pensava em ser professora da língua materna dentro de sua comunidade, O crime está sendo investigado pelas autoridades policiais do município.
  • RELÓGIO

    IVONIO SOLON BLOG